[Fechar]

domingo, 4 de dezembro de 2016

Minutos

Quantos minutos de silêncio são necessários para que possamos refletir sobre a vida?
Eu nunca gostei de pensar onde as coisas acabam.
O ser humano tem uma rejeição natural a ideia do fim, por conta disso, criamos os ciclos. Uma ideia genial, de que todo o fim é a porta para um novo começo. Ameniza a dor e torna a ideia do fim menos implacável. É assim quando os filmes terminam no cinema. Algumas pessoas relutam em ficar sentadas em suas poltronas, mesmo quando as luzes se acendem e os créditos começam a subir. É assim quando estamos perto de terminar aquele bom livro e passamos a diminuir o ritmo afim de prolongar a boa sensação daquela leitura, mesmo que isso confronte o nosso desejo de saber o desfecho da história.
O ser humano não está preparado para o fim.





Assim como os livros, ou os filmes, tudo acaba. Os filmes, geralmente duram entre uma ou duas horas e os livros tem entre 200 ou 300 paginas. Já a vida, não da pra prever.
Hoje é cedo. Amanhã pode ser tarde.
E o que parecia ser o começo, já pode ser o fim. Não dá pra perver.
O fim é imprevisível e geralmente breve.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...